Você quer vender mais, mas ainda não sabe como? Que tal então otimizar o espaço da loja? Sim, essa simples medida pode ajudar e muito o seu cliente no momento da compra. E, para isso, existe até mesmo estudos de neurociência que comprovam como essa mudança pode afetar o comportamento do consumidor.

A especialista em neurociência aplicada à arquitetura da qualidade corporativa Priscilla Benke, em entrevista a um site gaúcho, traz algumas recomendações.

A neurociência trouxe conhecimentos que nos permitiram entender que os impactos externos agem no cérebro das pessoas, influenciando suas emoções e a forma como elas se sentem dentro dos espaços. Se for pensada estrategicamente, a arquitetura pode trazer um resultado efetivo, explica.


Espaço da loja impacta na venda

espaço da loja
Lojas com luzes mais quentes e tetos mais baixos trazem mais aconchego ao cliente

Qualquer estabelecimento comercial tem como foco vender. Isso é algo mais do que claro. Porém, o importante é saber qual a intenção da loja em relação à permanência do cliente dentro de seu espaço. Priscilla dá uma dica em relação à iluminação e ao teto da loja.

Se o caso for de manutenção do cliente por mais tempo no espaço da loja, ela recomenda tetos mais baixos.“A sensação espacial em um local com teto mais baixo permite que a pessoa se concentre no produto”, afirma. Ela ressalta ainda que, neste caso, a iluminação mais quente e o uso de tons mais quentes são a melhor opção. Eles dão sensação de aconchego para o cliente.

Porém, se o objetivo for ter uma circulação mais dinâmica e a compra rápida, deve-se fazer o contrário. Lojas com tetos mais altos dão maior amplitude visual. Com isso, o cliente vê mais produtos e pode escolher mais rápido. A iluminação branca, por sua vez, dá uma sensação menos acolhedora.

Pense no colaborador

Pensar no cliente é importante, mas também vale a pena ter o colaborador em conta. Basta lembrar que ele é essencial para um boa venda. Pense no conforto dele para que possa trabalhar motivado.

Proporcione um ambiente que tenha contato visual com o lado externo da loja. Quando isso não acontece, o colaborador pode sentir algumas reações biológicas ruins, como mostra Priscilla. Uma boa iluminação, segundo ela, pode ajudá-lo a se sentir melhor na loja.

Isso afeta o relógio biológico do indivíduo e gera uma série de alterações no organismo por conta da desconexão com o tempo. Existem luminárias que simulam as variações de tons, imitam a luz do sol e se ajustam ao longo do dia, explica.

Quer saber como mudar o espaço da loja para ter mais vendas em seu comércio? Veja algumas dicas do arquiteto Alexandre Mussnich, especialista em design estratégico de ambientes.

Melhorando seu espaço

espaço da loja
Luz branca e teto alto podem ser melhores para quem deseja mais circulação pela loja.

Veja abaixo as dicas do arquiteto para melhorar o espaço da loja e vender mais.

1) Organize o espaço

Loja organizada, produtos bem iluminados, isso é essencial para facilitar a busca do cliente.

2) Invista na tecnologia

Se você não investe no mundo digital, trate logo de mudar sua opinião. A integral do espaço físico ao digital é fundamental para poder trazer o cliente para dentro de sua loja.

3) Ofereça uma experiência

Para vender, atualmente, é importante criar uma experiência agradável dentro de sua loja. E isso vai desde a iluminação até o atendimento.

4) Exponha melhor

Priorizar determinados produtos pode ser valioso para o processo de compra no espaço da loja. Atraia o cliente com os produtos mais vendidos no fundo, para que ele possa circular mais pela loja.

5) Diminua o espaço dos caixas

Caixas muito grandes podem ser problemáticos, podendo tirar espaço do cliente. Não tire totalmente o espaço do colaborador, mas não deixe seu cliente em filas muito grandes.